Tirando o seu site da U.T.I.

por | 05/10/2013 | Diário de Bordo | 0 Comentários

Algumas práticas simples para tirar o seu site da estagnação.

63ae8dd535459e6ddaa9950601158f8d_L

Algumas práticas simples para tirar o seu site da estagnação.

Com esse artigo eu pretendo começar uma série (não necessáriamente sequencial) sobre como tirar o site da sua igreja do limbo.

Avaliando a situação

O primeiro passo para a cura é diagnosticar a doença. Seu site está doente? Para responder esta pergunta procure pelos sintomas:

  • O público alvo visita o site regularmente?
  • A liderança vista o site regularmente?
  • Você visita o site regularmente?

Em caso de resposta negativa a alguma das perguntas anteriores:

  • Porque não visitam?
  • Eles sabem o endereço do site (URL)?
  • Os que visitam estão procurando o que?
  • Eles encontram o que estão procurando?
  • Dos itens anunciados o que você está, de fato, entregando?

Poderíamos colocar uma centena de perguntas assim aqui, mas vou deixar apenas estas para sua reflexão nesta semana. Enquanto isso vamos olhar mais a fundo a última pergunta.
Dos itens anunciados o que você está, de fato, entregando?
Apenas você pode responder esta pergunta de maneira aprofundada mas os pontos básicos não mudam muito de uma igreja para outra. Por exemplo:
A informação mais buscada é com certeza o endereço do local das reuniões e horário dos cultos. Se você ainda não fez isso não perca mais tempo e veja o treinamento Preenchendo informações de contato.

Definindo um escopo

Outro problema muito comum é  prometer demais e não conseguir entregar. Não é raro ver sites que parecem cascas vazias.
Blogs que pararam no terceiro post.
Lojas que nunca venderem produto nenhum.
Calendário de eventos vazio.
Slide na capa anunciando a abertura das inscrições do retiro da páscoa de 2011.

Agora que você já está administrando o site a alguns meses você percebe que não dá conta de fazer tudo isso e que o pessoal que estava com aquela empolgação inicial sumiu. Este é um bom momento de definir o escopo do seu projeto.

Não veja isso como uma derrota. Talvez não seja o momento certo de avançar sobre alguns terrenos. Seja honesto com os seus recursos e invista forças onde você sabe que pode produzir resultados.

Limando o resto

Agora que você já definiu onde quer investir seu tempo e recursos não tenha medo de despublicar o que não vai ser usado. Ter itens de menu que direcionam para uma página dizendo ‘Em breve’ são como um grito de amadorismo mais que qualquer coisa. Também despublique os módulos que você ainda não está usando. Se você acha que ainda pode usar aquele item de conteúdo ou módulo no futuro não precisa excluir, apenas despublique.

Depois de fazer isso você pode olhar novamente para seu site e sentir uma sensação de vazio. Mas não desanime, ter pouco conteúdo é muito melhor que ter uma grande casca vazia. Concentre forças naquilo que você definiu como escopo e não vai demorar até que as coisas comecem a mudar.

Por enquanto é isso, nos próximos posts vamos ver como avançar sobre áreas mais específicas do site.
Enquanto isso, como está seu site?